Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal

Para ligações originadas de celular.
Imprimir
Divulgue

30 de março de 2017

Faculdade Unimed reformula produto ‘Fator de Qualidade ANS’

Objetivo é fazer com que Singulares conheçam, acompanhem e otimizem o patamar de qualificação de sua rede prestadora

FUN0038-FEV17enxoval fator de qualidade ansunimedbannerlms1164x400p.jpg



As cooperativas do Sistema Unimed lidam com uma diversificada rede prestadora de serviços em saúde. São inúmeros médicos e profissionais autônomos, hospitais, clínicas, laboratórios, serviços de diagnóstico por imagem, entre outros. E a qualidade da rede prestadora está diretamente ligada ao Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS), conferido anualmente às operadoras de plano de saúde pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). 


Por isso, é importante que as Singulares do Sistema Unimed conheçam, acompanhem e otimizem o patamar de qualificação de sua rede prestadora, conforme destaca o diretor de desenvolvimento e responsabilidade social da Fundação Unimed, Ary Célio de Oliveira. “Monitorar a qualidade dos serviços da rede prestadora confere sustentabilidade ao negócio, além de ampliar o poder de avaliação e escolha dos atuais 47,6 milhões de beneficiários de planos de assistência médica e 22,2 milhões de consumidores de planos exclusivamente odontológicos, que compõem o setor de planos de saúde no Brasil”, detalha o executivo. 


A ANS instituiu o Fator de Qualidade (FQ) como elemento de cálculo que objetiva refletir a qualificação dos prestadores de serviço de atenção à saúde. Hospitais e hospitais-dia, profissionais de saúde, clínicas multiprofissionais, serviços de apoio diagnóstico e terapia evidenciam, por meio do FQ, se cumprem requisitos de qualidade. “O Fator de Qualidade é aplicado ao Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), definido pela ANS para reajuste anual dos contratos entre operadoras de planos privados de assistência à saúde e prestadores de serviços de saúde, quando há previsão de livre negociação entre as partes, como única forma de reajuste, e não há acordo após a negociação, nos primeiros noventa dias do ano. Dependendo do cumprimento dos requisitos de qualidade, o FQ poderá ser de 105%, 100% ou 85% do IPCA”, explica o consultor jurídico da Fundação Unimed, Ricardo Campos. 


O diretor administrativo financeiro da Fundação Unimed e responsável pela área de assessoria educacional, Luiz Carlos Palmquist, salienta que no atual modelo do Fator de Qualidade da ANS, a atribuição dos níveis de qualidade acontece baseada em critérios preenchidos pelo próprio prestador em uma ficha disponível no site da reguladora, fato que determinou na reformulação do produto ‘Fator de Qualidade ANS’, da Faculdade Unimed. “Como profunda conhecedora do Sistema Unimed, a Faculdade Unimed se propôs ao desafio de ir além e disponibilizar às Singulares uma metodologia própria para auditar e classificar toda a rede de serviços assistenciais, tanto própria quanto contratada”, revela.


Fator de Qualidade ANS da Faculdade Unimed 


No Fator de Qualidade ANS da Faculdade Unimed, o modelo de avaliação e mensuração da qualidade da rede de prestadores é fundamentado na metodologia Score Rede, reconhecida pela agência reguladora como um dos sistemas de aferição do Programa de Qualificação dos Prestadores de Serviço de Saúde (Qualiss). O Score Rede propõe remuneração diferenciada para prestadores com níveis de qualidade diferentes. 


O trabalho realizado pela Faculdade Unimed é dividido em duas fases. Na primeira, a rede credenciada é auditada e classificada segundo níveis de segurança, conforto, complexidade e resolutividade, permitindo comparação entre prestadores. Requisitos relacionados à segurança do paciente e atendimento à legislação vigente são auditados. Nesta etapa, a Singular assessorada pode optar por ter todas as atividades realizadas pelos assessores da Faculdade Unimed ou definir que sua própria equipe realizará a auditoria. Se escolher a atuação própria, a equipe da Singular será capacitada na modalidade ensino a distância, terá acesso à metodologia Score Rede por meio de tablets e terá acompanhamento de assessores na etapa prática de auditorias de campo.


Coletadas as variáveis na auditoria, a Faculdade Unimed realiza análise estatística ponderada para classificar o prestador. É quando começa a segunda fase, momento em que acontece a mudança do modelo remuneratório para a rede prestadora. É possível remunerar distintamente os prestadores com níveis de qualidade diferentes, estimulando uma rede mais segura para os usuários e com menor sinistralidade.


Palmquist chama atenção para a redução de custos proporcionada pela assessoria Fator de Qualidade ANS. “Hoje, é consensual que prestar serviços médicos de qualidade questionável pode sair muito caro e que as medidas de melhoria de qualidade reduzem o incremento dos custos no médio e longo prazo. O Fator de Qualidade ANS, da Faculdade Unimed, reduz em 45%, num período de oito anos, a conta hospitalar, por meio da certificação e classificação de toda a rede de serviços assistenciais”, enfatiza. 


Importante destacar que o Fator de Qualidade ANS, da Faculdade Unimed, também pode ser contratado pelo próprio prestador, que deseja aferir, monitorar e certificar a qualidade de seus serviços. 


Diferenciais

A Faculdade Unimed conhece vastamente o Sistema e a experiência comprovada de sua equipe de assessores permite que sejam propostas soluções adequadas a cada demanda. As assessorias são customizadas, com cronograma, orçamento, atividades, recursos e metas específicas. 


Quer mais informações sobre o ‘Fator de Qualidade ANS’, da Faculdade Unimed?

Ligue para (31)2121-2991 ou envie um e-mail para assessoria@faculdadeunimed.edu.br.