7 dicas para apresentar trabalhos na faculdade

Publicada 19/05/2021

Durante a graduação, muitas vezes nós precisamos apresentar trabalhos para os professores e o restante da classe. Para quem tem dificuldade de falar em público e até para quem é mais extrovertido, esta pode ser uma experiência desafiadora.

Pensando nisso, nós separamos 6 dicas para te ajudar a controlar o nervosismo e fazer uma apresentação nota 10!

 

  1. Treine bastante

Estar preparado é essencial para saber o quê e como falar em público.

Normalmente os professores estipulam um tempo para a apresentação, então o ideal é, alguns dias antes da apresentação, colocar um cronômetro e apresentar tudo o que você acha importante. Coloque os slides, passe vídeos (se fizerem parte da sua apresentação), tudo como se você estivesse falando para a sua plateia de verdade.

Caso você estoure o tempo, é só ir tirando as partes menos importantes e mudando a sua fala até conseguir chegar no tempo indicado.

Esta fase é importante pois lhe ajuda a decorar o conteúdo, ver o que é realmente importante e o que funciona ou não. Às vezes um vídeo que parecia legal não se encaixa tão bem no seu trabalho, ou uma parte que parecia clara, ao ser dita em voz alta, parece confusa.

Ao treinar, você tem a oportunidade de aprimorar a sua apresentação e brilhar quando chegar o dia de mostrar o resultado do seu trabalho.

Por fim, estar preparado diminui o nervosismo, pois você saberá exatamente o que fazer.

 

  1. Use diferentes recursos

Um slide cheio de texto dificilmente será lido pelo seu público e pode deixar a sua apresentação monótona e cansativa. Para prender a atenção de todos e se destacar, faça slides curtos com informações chave que lhe ajudem a lembrar o que você vai dizer e abuse dos recursos disponíveis.

Gráficos, tabelas, vídeos e imagens são uma ótima maneira de passar informações de maneira criativa, clara e objetiva. Ao fazer um bom uso deles, o seu público irá entender melhor o que você está apresentando e a sua pesquisa vai ficar bem mais rica e interessante.

 

  1. Seja objetivo e direto

Muitos estudantes acham que um trabalho curto terá uma nota menor, quando na verdade o que importa é a qualidade e não a quantidade de páginas escritas.

Entenda o que o seu professor pediu e faça uma apresentação que aborde todos os temas solicitados de maneira clara, direta e objetiva. O foco deve ser trazer respostas interessantes e completas, mas não prolixas e fora do tema.

Uma apresentação rápida e eficaz é mais valiosa do que uma apresentação longa, que foge do assunto tratado e não responde às perguntas do seu professor.

 

  1. Cuide do design da sua apresentação

Sabemos que não devemos julgar um livro pela capa, mas também é verdade que uma capa bonita chama muito mais a atenção, por isso, além de caprichar no conteúdo, procure preparar slides bonitos, com uma boa legibilidade, imagens em alta resolução, gráficos fáceis de serem entendidos e vídeos com bom áudio e alta qualidade de imagem.

Tudo isso mostra que você se dedicou a esta tarefa e deu o seu melhor para produzir um trabalho de qualidade em todos os sentidos.

 

  1. Olhe para o público

Quem fica nervoso ao falar público, pode ficar sem saber para onde olhar e ficar de cabeça baixa ou encarando os slides. Isso demonstra todo o seu nervosismo e pode te deixar ainda mais ansioso, já que você não consegue ver o feedback da sua plateia.

Faça um esforço: procure olhar para o público e manter contato visual durante a sua fala. Isto passa uma imagem de confiança e tranquilidade, o que fará com que as pessoas acreditem ainda mais na qualidade do seu trabalho e você fique mais calmo ao perceber o retorno positivo dos seus ouvintes.

 

  1. Aprenda com os colegas

Observe atentamente as apresentações dos seus colegas e anote tudo o que você achar legal e o que achar ruim. Tente incorporar as boas ideias no seus próprios trabalhos e identifique quais pontos fracos você também tem e se esforce para superá-los.

Ter um bom repertório é importante para saber o que funciona e o que faz com que as pessoas percam o interesse pelo orador.

 

  1. Coloque a sua personalidade

Aprender com as apresentações dos outros é ótimo, no entanto, não abra mão da sua individualidade.

Tentar forçar um estilo que não se adequa a sua personalidade e não te deixa confortável pode resultar numa apresentação fria, sem entusiasmo e que não agrada nem a você, nem a quem está vendo. Por isso, aprenda sempre com os outros, mas não se force a fazer algo que não combina com você.

Caso você seja uma pessoa mais descontraída, vale contar com algumas brincadeiras e fazer o público rir, mas se o seu perfil é mais sério, isto não é um problema, use esta característica ao seu favor fazendo uma apresentação que cativa pela seriedade com a qual os fatos são apresentados, mas sem perder a espontaneidade do orador.

 

Com essas dicas você fará apresentações muito mais interessantes, ricas e que prendem quem está vendo. Lembre que saber falar bem e defender ideias é uma característica muito procurada pelo mercado de trabalho e a faculdade é uma ótima oportunidade de aprender e desenvolver esta habilidade.

Veja cada apresentação de trabalho como uma oportunidade de aprendizagem e crescimento, assim você não só garante uma nota ótimo, como também aprende uma nova soft skill que irá lhe ajudar muito em dinâmicas de grupo, reuniões de trabalho e em todas as áreas da sua vida.

Gostou deste conteúdo? Não deixe de compartilhar em todas as suas redes sociais!




ÚLTIMOS POSTS

27/05/2021

Como a pandemia afetou o mercado de perícia médica?

LER POST
12/05/2021

Engenharia Clínica: o que é e como se capacitar?

LER POST
29/04/2021

Cursos de curta duração valem a pena?

LER POST